Coleção Nossos Clássicos - Machado de Assis (Contos)


Na década de 60, a Editora Agir teve a brilhante ideia de lançar uma coleção de pequenos livros com os maiores clássicos da literatura brasileira. Os exemplares fizeram tanto sucesso que houve mais de cem volumes em diversas edições. E eu posso afirmar que sortudo é aquele que, ainda hoje, possui todos os volumes dessa coleção; o que não é o meu caso, já que possuo apenas dois desses exemplares.
De tal maneira, é exatamente sobre um deles que eu falarei nessa publicação. Trata-se do volume 70 — isso mesmo — que reúne diversos contos de um dos maiores autores brasileiros de todos os tempos: Machado de Assis. Claro que eu fiquei curioso pelo motivo de só abordarem seus famosos contos no volume 70, já que se trata de uma peça importante para a literatura nacional. Então olhei na contracapa a lista dos outros, publicados até então, e vi que o volume 37 havia sido dedicado a Assis também, porém para alguns de seus breves romances. Já os autores dos três primeiros volumes da coleção,  são Fernando Pessoa, Olavo Bilac e Tavares Bastos, respectivamente. 


É importante dizer que a reunião de contos do exemplar é bastante resumida, já que ao longo de seus 69 anos, Machado de  Assis escreveu tantos textos do gênero que precisariam fazer uma coleção inteira só pra ele. Logo nas primeiras páginas do livro, podemos conferir os dados biográficos do autor, organizados em ordem cronológica, além de um relato sobre a situação do país na época em questão. Essas informações foram escritas por Eugênio Gomes, crítico literário responsável por organizar o volume.
Dos contos presentes no exemplar, posso citar Cantiga de Esponsais, O Espelho, Um Apólogo, Missa do Gato, entre outros. Ao final ainda contamos com a bibliografia para sabermos quando e onde cada conto foi publicado. Além, é claro, do julgamento crítico de autores renomados. Por fim, citando uma explicação de Eugênio Gomes sobre os contos, o mesmo diz que trata-se do mais antigo gênero literário existente, mas que no mundo moderno revestiu-se de outras características e feições, após o advento do jornal.

Clique aqui para adquirir exemplares parecidos.
Nome: Machado de Assis (Contos)
Autor: Eugênio Gomes
Publicação: 1977
Editora: Agir
Páginas: 120
Sobre: 70º Volume da coleção Nossos Clássicos da Editora Agir que reúne diversos contos escritos por Machado de Assis no decorrer de seus 69 anos de vida. 
Compartilhe no Google Plus

Sobre Filipe Penasso

Autor e resenhista do Pena Pensante, 22 anos, acadêmico de Relações Internacionais e Comissário de Voo por formação.
    Comente pelo Blogger
    Comente pelo Facebook

0 comentários:

Postar um comentário