Livros Para Desenvolver Habilidades Humanitárias


É gratificante falar de uma aquisição que muito irá desenvolver meu conhecimento acadêmico e humanitário. Isso porque ambos os livros adquiridos são completamente diferentes entre si, mas os dois proporcionam ao leitor experiências capazes de transformar o modo de pensar. Além do mais, os exemplares são em inglês, a fim de instigar e ampliar o meu conhecimento com o idioma.
Aqueles que conhecem o blog sabem do apreço que tenho por contos e fábulas antigas; por isso, quando vi o exemplar The Royal Crown Readers, edição de 1932, perdido em uma prateleira empoeirada, logo o peguei, e com o troco, levei, também, Your Leadership Legacy, obra que tem como objetivo mostrar o caminho da liderança por meio de atos e escolhas que fazemos no dia a dia. 
A seguir falarei um pouco mais sobre cada um deles:


Your Leadership Legagy, de Robert M. Galford e Regina Fazio Maruca
Baseado em histórias detalhadas de grandes líderes que construíram carreiras de sucesso, Seu Legado de Liderança explora a arte de criar um 'projeto de legado' e as maneiras como isto pode exercer um efeito positivo imediato em seu trabalho.
Galford e Maruca proporcionam uma abordagem disciplinada para estruturar seu legado e modelá-lo ao longo do tempo. Começando com uma idéia simples, porém forte – seu legado é definido com base em como outros veem o trabalho e a vida como resultado de terem trabalho com você.
Aplicando as estratégias contidas neste livro, você fortalece seu impacto e transmite o melhor de si mesmo no processo. Sua recompensa? Profunda satisfação pessoal e realizações sem precedentes durante toda sua vida profissional.
Você encontra essa obra em português clicando aqui.


The Royal Crown Readers (Royal School Series - Book 3)
Trata-se do terceiro livro de uma série que foi lançada na década de 30 com o intuito de revelar o mundo da leitura a crianças e jovens. O livro é dividido em 70 partes, onde 60 delas são contos e fábulas. Além disso, no final do exemplar há uma nota de significados para as palavras mais complexas — com as definições também em inglês —, para que os jovens da época pudessem se familiarizar com buscas em dicionários, uma vez que não havia internet.
Pude perceber que cada conto tem uma mensagem especial, transmitida em meio aos personagens marcantes e pitorescos. Para mim será um prazer resenhar um exemplar como esse no Pena Pensante, já que desde o início do blog trato as fábulas como fonte do saber e aprendizado, capaz de nos dar experiência de vida em meio à fantasia.

Compartilhe no Google Plus

Sobre Filipe Penasso

Autor e resenhista do Pena Pensante, 22 anos, acadêmico de Relações Internacionais e Comissário de Voo por formação.
    Comente pelo Blogger
    Comente pelo Facebook

0 comentários:

Postar um comentário