Acadêmico: Introdução às Culturas Populares no Brasil


Eis o livro que, nesse primeiro semestre de 2016, tem me auxiliado na disciplina de antropologia. Eu não costumava resenhar exemplares acadêmicos, entretanto, percebi que se tratava de uma boa ideia desde que soubesse como escrever.
Introdução às Culturas Populares no Brasil, de Otávio Zucon e Geslline Giovana Braga, me chamou atenção pelo seu dinamismo e abrangência. Diferente de outros livros acadêmicos, a obra auxilia de forma estimulante à disciplina.
Uma de suas principais características, é a valorização de qualquer tipo de cultura; seja ela popular ou não. 
"Qualquer indivíduo ou grupamento humano é, antes de tudo, cultural."
Li somente o primeiro capítulo; sei que os demais se aprofundarão ao folclore brasileiro, e como o próprio título diz, à cultura popular. Mas, pelo que constatei folheando suas páginas, tenho certeza de que no decorrer do semestre terei um excelente material de apoio.
"Não se deve estabelecer uma valorização pautada na posição social dos indivíduos, ou seja, ser economicamente "rico ou "pobre".
O Brasil é, historicamente, constituído por inúmeras referencias socioculturais. Da mistura, fez-se o que é hoje. Mesmo que vivemos em um país em desenvolvimento, que passa por complicações, economicamente falando, não podemos negar a sua riqueza cultural. Há, ao nosso alcance, uma extrema variedade de patrimônio material e imaterial - alguns são retratados no livro -, como seu artesanato, suas lendas e mitos, sua música, culinária e muitos outros... Também não podemos esquecer da religiosidade!


Todos esses fatores, constituem a cultura do nosso país, reconhecida entre muitos, em diferentes lugares do mundo. E eu tenho certeza de que, pelo menos um aspecto, faz parte do seu cotidiano, dando-lhe o direito de dizer que é diferente: que é brasileiro.

Título: Introdução às Culturas Populares no Brasil
Autores: Otávio Zucon e Geslline Giovana Braga
Data de Lançamento: 2013
Editora: Intersaberes
Páginas: 184
Informações: Nesta obra, os autores conduzem uma análise introdutória, de caráter histórico e antropológico, das culturas populares no Brasil. Dessa forma, são destacadas a importância e a riqueza dos saberes, fazeres e das celebrações das diferentes classes populares, que, historicamente, atraem a atenção de intelectuais de todo o mundo e são, há muito, um tema instigante e encantador de estudos.


Compartilhe no Google Plus

Sobre Filipe Penasso

Autor e resenhista do Pena Pensante, 22 anos, acadêmico de Relações Internacionais e Comissário de Voo por formação.
    Comente pelo Blogger
    Comente pelo Facebook

4 comentários:

  1. Amei seu blog.
    Vai me ajudar muito a adquirir conhecimentos. Sucesso.
    Conheça meu blog: Conteiepronto.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigado, Sayonara! Fico extremamente feliz por ter gostado. Será um prazer conhecer seu blog! :D

      Excluir
  2. Gostei muito da dica e, principalmente, da forma que escreveu a resenha acadêmica!

    ResponderExcluir