Simples e Genial.


Estava lendo o "Menino de Engenho" - de José Lins do Rego - quando cheguei a uma parte onde o autor fez referência ao poema da "Galinha Gorda". Tão simples, mas tão genial, me chamou a atenção e logo quis saber do que se tratava! 
Descobri que era uma brincadeira típica do nordeste, onde as crianças se reuniam dentro d'água e uma delas jogava a pedra para o fundo gritando: "- Galinha gorda! - Gorda é ela! -Vamos comê-la! - Vamos a ela!"
Dito isso, os demais pulavam à procura da Galinha Gorda - a pedra - e quem a encontrasse era o vitorioso da brincadeira, iniciando-a da vez seguinte.
Existem várias versões da Galinha Gorda, porém, a original é a manifestação folclórica ligada às águas do Nordeste.

Compartilhe no Google Plus

Sobre Filipe Penasso

Autor e resenhista do Pena Pensante, 22 anos, acadêmico de Relações Internacionais e Comissário de Voo por formação.
    Comente pelo Blogger
    Comente pelo Facebook

2 comentários:

  1. Não conhecia essa brincadeira, achei legal, pena que nos tempos de hoje a criançada esta mais interessada em tecnologia do que em ser criança realmente.
    Quando eu era criança adorava brincar de roba bandeira, pega pega, que delicia!!!
    Bjos
    http://www.soellasentendem.com/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pois é Itamara, são culturas que vão se perdendo com o passar dos anos! É uma pena!

      Excluir