27 de março de 2014

Viajar é Preciso


Na minha opinião, viajar é tão nobre que pode ser considerado uma arte. Nobre para mim é sinônimo de carga cultural, por isso julgo como uma das melhores coisas que podemos fazer. Muitos valores e costumes que não estão em livros podem ser presenciados em uma viagem, aflorando a mente e despertando o novo saber.
Viaje para esquecer problemas enraizados e reflita o quão longe você está deles. Permita a saudade entrar, ela faz bem às vezes. Registre, escreva, fotografe e memorize cada caminho percorrido, dê possibilidade de conhecerem suas aventuras. Sinta a vida no mundo e corte as cordas que te prendem ao solo. Deixe o vento atravessar seu rosto e sempre busque o caminho do saber, transformando assim, seus passos em fonte de conhecimento.

2 comentários: